Augusto Cacá

A poesia representa o homem para que ele se reconheça, se estranhe e se transforme. Fadas Guerreiras

Textos

O cravo e a rosa
O cravo gostou da rosa.
E ela foi tão gostada
que o cravo fez um pedido
E a rosa foi encantada.

O cravo ficou contente.
A rosa foi visitar.
O cravo queria toda
A rosa pra se abraçar.

A rosa era tão linda
Que o cravo tentou prendê-la.
Assim quebrou o encanto
E agora não pode tê-la.

(do livro: Fadas Guerreiras, à venda em www.caca.art.br)
Carlos Augusto Cacá
Enviado por Carlos Augusto Cacá em 09/02/2007
Alterado em 18/02/2007


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras